Buscar

Sobre o puerpério e a amamentação.

"Mãe, confie em mim, eu te garanto que vai melhorar, o que você sente hoje vai passar. Mas eu preciso que vc trabalhe seu psicológico... Tente fazer da amamentação um momento e não somente rotina, amamentar onde não tem gente perto, nem parentes e até mesmo longe do seu marido é o ideal quando se está com dor. Infelizmente nós mulheres acabamos ficando muito sensíveis e carentes nesse período e a presenças de pessoas na hora de amamentar faz a gente ficar chorona... Todo mundo só pensa no bebê e não pensa em nós, e a dor é uma forma de chamar atenção também pra si, o nosso corpo faz isso inconscientemente, porque necessita de ajuda. Então procure um lugar mais tranquilo, coloque uma música que você gosta, converse com seu bebê, tenha esse contato olho no olho e diga pra você mesma que esse momento vai ser só de vocês... Tente fazer isso algumas vezes pra ver se a dor vai diminuindo e se você se sente melhor com a situação... Sei que a sua vontade as vezes é sair correndo e deixar tudo pra traz por uns instantes... Mas você precisa ser muito forte agora pra lidar com esse período, e entender que tudo isso vai passar, como se fosse um mantra repita isso pra você mesma: "É só mais um dia, e isso tudo vai passar." Converse com as pessoas que estão em volta de você, principalmente seu marido, fale pra ele que não está sendo fácil e que você precisa de um abraço e precisa chorar no colo dele um pouco, e se ele perguntar o motivo, não fale que é dor e nem fale que tem a ver com a amamentação, só diga que precisa dele pra te ajudar a passar por isso... A amamentação precisa ser algo prazeroso, tem que ser um direito da mulher e não uma obrigação... Pense que é seu contato com o bebê, que aquele leite, o SEU leite vai fazer por ele o que nenhuma outra coisa pode fazer. Ele vai ter reflexo dessa amamentação lá na vida adulta dele, tanto físico, quanto emocional...Pense a longo prazo... Amar dói e dói muito, mas não podemos deixar de amar." Texto escrito por @marianaragusa para uma mãe que poderia ser você. Compartilhe e ajude uma mãe que precisa ler isso ❣️ Estamos todas juntas 💪💗

37 visualizações

© 2023 por Mariana Ragusa - Arapongas PR. Orgulhosamente criado